Cirurgia refrativa em São Paulo (SP)

Cirurgia refrativa em São Paulo (SP)

Por: Crop | 27 de Julho de 2022

O cuidado com os olhos é essencial, por conta disso, as cirurgias refrativas, para a correção de miopia, astigmatismo, hipermetropia e presbiopia, compõem um dos procedimentos mais procurados no meio oftalmológico

Cirurgia refrativa é o procedimento responsável pela correção de doenças que afetam os olhos e a visão, como miopia, astigmatismo, hipermetropia e presbiopia. Casos em que, geralmente, os pacientes dependem de óculos ou lentes de contato para enxergar.

As cirurgias refrativas em São Paulo, na CROP Oftalmologia são procedimentos rápidos, com alta no mesmo dia e sem a necessidade de internação.

Além de ser um procedimento seguro e com baixos riscos de complicações.

A CROP Oftalmologia conta com os melhores especialistas, assistentes e utiliza equipamentos de última tecnologia, garantindo um trabalho ímpar quando o assunto é cirurgia refrativa em São Paulo.

Como a cirurgia  é feita?

O processo nos dois olhos dura cerca de dez minutos, entretanto pode ocorrer uma variação de tempo conforme a técnica utilizada. A recuperação é relativamente rápida, em dois ou três dias o paciente pode retornar a algumas de suas atividades normais.

A anestesia é realizada pela aplicação de colírios, a cirurgia não costuma ser dolorosa; apenas pode ocasionar um pequeno desconforto para o paciente depois da cirurgia. O laser normalmente utiliza de luz ultravioleta para manipulação da córnea e minuciosa remodelagem da refração. 

Quais os tipos de cirurgia refrativa?

Atualmente, existem 5 tipos de cirurgia refrativa, conheça sobre elas e a mais recomendada para casa caso a seguir:

  1. Excimer laser:

Os procedimentos mais conhecidos atualmente.

É utilizado um laser altamente preciso e rápido, permitindo um tratamento personalizado das ametropias (miopia, hipermetropia e astigmatismo).

Existem duas técnicas da cirurgia a laser:

  • LASIK (Laser-assisted In Situ Keratomileusis);
  • PRK (Ceratectomia Fotorrefrativa).

Fonte: coiolftamologia.com

  1. Femtosegundo laser:

Procedimento mais recente quando falamos de cirurgia refrativa, utilizando um laser de femtosegundo para um tratamento personalizado da ametropia.

Dentro do procedimento femtosegundo, a técnica utilizada é a SMILE (Small Incision Lenticule Extraction).

  1. Implante de Lente Fácica (Intraocular):

No caso desse procedimento é realizado o implante de uma lente intraocular.

Recomendado para casos de grau de miopia ou hipermetropia altos, onde não pode ser realizada a cirurgia a laser.

A cirurgia é rápida e indolor, com uma micro incisão na região da córnea por onde é implantada a lente.

  1. Cirurgia Faco-refrativa:

Nesse procedimento é realizada a substituição do cristalino (lente interna do olho) por uma lente intra-ocular definitiva.

Essa cirurgia é recomendada para pessoas que já apresentam algum grau de catarata, solucionando duas complicações em um único procedimento.

  1. Implante de anéis intra-estromais:

Aqui é realizado o implante de anéis corneanos (anéis intra-estromais) com o objetivo de reduzir graus altos de miopia ou astigmatismo.

Com isso, caso seja necessário, pode ser realizado um excimer laser, futuramente.

Cirurgia refrativa (presbiopia)

Para a correção da Presbiopia, o procedimento é um pouco mais complexo.

Uma das técnicas mais utilizadas atualmente é da monovisão, onde o olho dominante é corrigido para visão de longe enquanto o olho não dominante passa por um procedimento de miopia leve.

Requisitos para a cirurgia refrativa por excimer laser

  • Estabilidade refracional (grau estável nos últimos 6-12 meses);
  • Idade maior que 18 anos (exceto casos com indicações especiais em menores de 18 anos);
  • Estrutura/biomecânica da córnea adequada para a cirurgia;
  • Estar motivado para operar;
  • Ausência de contra-indicações (ceratocone e outras ectasias corneanas, diabetes descompensada, doenças autoimunes graves, olho seco severo, herpes ocular recente, algumas distrofias corneanas, ambliopia severa, catarata, gestação, entre outras).

Cuidados pós operatório de cirurgia refrativa

  • Uso correto dos colírios prescritos;
  • Evitar uso de toalhas para limpar os olhos. Usar lenços descartáveis, caso seja necessário;
  • Proteção solar (principalmente PRK) utilizando óculos com filtro UV (escuros) no primeiro ano;
  • Evitar banhos de mar, piscina, lagos, rios, cachoeiras nos primeiros 30 dias;
  • Lavar as mãos com água e sabão com frequência e antes de usar os colírios;
  • Não levar as mãos aos olhos;
  • Não coçar os olhos;
  • Afastamento das atividades em torno de 5-7 dias a depender da técnica utilizada;
  • Evitar esportes de contato físico intenso após o LASIK;
  • Fazer o acompanhamento pós-operatório e de rotina como indicado pelo médico após o procedimento.

Cirurgia Refrativa: preço e onde fazer em São Paulo (SP)

A CROP Oftalmologia é referência em saúde ocular em São Paulo (SP),  oferecendo atendimento personalizado, equipamentos de última geração e profissionais capacitados e atenciosos com cada paciente.

As nossas clínicas oftalmologicas ficam localizadas na Lapa e Chácara Santo Antônio em São Paulo.

Para mais informações, como preço da cirurgia refrativa, convênios, formas de pagamento e disponibilidade, entre em contato AGORA mesmo neste link e obtenha a orientação de nossos profissionais.